Site de Poesias

Menu

Distantes

 Distantes, sem rumo, sem razão , somos nós.

procuramos, sentimos a falta, dependemos um do outro,

Sem razão , sem noção, perdemos a realidade

e deixamos pra trás a nossa realidade...

os nossos compromissos, as nossas responsabilidades,

Estamos ligados e queremos nos desligar ,

Mas é impossível esquecer, o fogo , a carne, o amor , talvez?

A sensação de liberdade , o nosso sentimento oculto...

Eu, tão dona de mim, você , tão cheio de si

Nós tão dependentes de nós...

Onde te procuro não te encontro 

E onde você me busca eu não estou,

Mas tenho esperança que um dia 

Nossos sonhos serão os mesmo

e nossos caminhos se cruzem...

 

Para sempre...

 

 

 

Compartilhar
BellaPisciana
18/11/2012