Site de Poesias

Menu

Entrelinhas

 

O que eu diria
Da mulher que é canção,
E letra, e inspiração,
E poesia?

Como eu diria
Que falta-me a expressão,
Se até mesmo a menção
Me esgotaria?

Por que diria
Que a mais doce intenção
Sofre a limitação
Da letra fria?

Mas eu diria
Que sei que ela vai ler
Mais do que eu escrever
Sem maestria,

E vai saber
Que o único limite
É o que a gente permite
Quando lê!

E vai sentir
Mais do que está escrito.

E vai achar bonito.

E vai sorrir...

 

Compartilhar

A namorada entende... :-)

Ederson Peka
11/01/2010