Site de Poesias

Menu

AMOR

[Ilustração não carregada]


Necessidade é a minha de amor, 

Mas de um amor que ninguém tem pra dar.

Amor, sim esse, que até já encontrei,

Mas que fugi e ainda fujo de estar.   


Mas eu só quero esse mesmo amor, 

O mais divino, o mais puro e total.

Não o farsante, doente e mesquinho,

Quero um amor que não tenha igual.  


Amor tamanho da necessidade, 

Emane dele verdade e vida. 

Amor doado de braços abertos:

O amor de Deus, Jesus Cristo, saída.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Respeite os direitos autorais de acordo com o CC abaixo

Compartilhar

São Paulo, SP, 22/01/2009

Rosely T. Sales
22/01/2009