Site de Poesias

Menu

Esse tipo de olhar

[Ilustração não carregada]


Eu preciso encontrar algum rumo, uma estrada, a saída; no olhar...
O escape, uma luz!
O caminho, Jesus...
 
Na verdade encontrei.
 
Uma vez... uma vez...
Talvez duas ou três.
 
Porém isso não basta!
 
Quero muito beber... sim me embebedar do amor desse olhar!Navegar, flutuar...
E planar, levitar...
 
Como já levitei...
Como já flutuei.
 
Sim, eu quero de novo!
 
Eu me apaixonei por candura... doçura... ternura... alma pura...
Que advém do amor
Só do meu Salvador.
 
Oh, como é embriagar-se no encanto que há nesse tipo de olhar.
É o céu, é o mel!
É da noiva, o véu.
 
Ele salva, redime,
E ele alcança, não cansa!
 
Eu preciso encontrar novamente, em minha frente; eu estou tão carente...
Desse tipo de olhar...

Compartilhar

22:00

Rosely T. Sales
19/04/2008