Site de Poesias

Menu

João

João


Sempre aprendi
e quero aprender a vida,
o mundo
tem me ensinado as coisas:
o tropeçar de um caminho,
o deslize
do equilíbrio momentâneo...
preciso carregar sobre meus ombros
a penumbra da minha imensa dor,
necessito conhecer o seu rosto
ao qual no passado me ocultaram...
chorei muitos versos humanos
e careço um pouco de alegria:
as lágrimas retintam minha alma...
sigo pelo mundo mais que autêntico
e ele é porque não é perfeito:
velei meus olhos
porque não posso mais chorar.


João Ulysses

Compartilhar

Salvador

João Ulysses Ferreira Neto
02/02/2005

  • 0 comentários
  • 52 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados