Site de Poesias

Menu

ENQUANTO RAYARA DORME...


Ao observar você 

enquanto dormes mansamente

fico sem ter como agradecer 

este presente divino...

olhando pra você que agora dorme

sinto a presença do criador...

uma energia que não consome

e perpetua a essência do teu "eu"...

Agradeço a Deus tua presença 

teu semblante meigo, seu olhar

toda perfeição...

Deus, quis me presentear...

Observo como sempre dormes calma

na inexperiência feito tola 

a sacudia...

é da mansidão 

e da brancura da tua alma...

que me acalanta 

e proporciona alegria...

Rayara, 

pequenino sol todos os dias

dos dias que possuo para viver...

não desistas dos sonhos e fantasias...

que a vida 

sempre tem pra oferecer...

Selecione minha filha 

as vibrações que queres ao teu lado 

no convívio...

ofereça em pequenas orações

 GLÓRIA A DEUS !

para sempre ao infinito...

Não permitas que te aflijam o sono

para que possas, sempre descansar

não aceite a cobiça ou o abandono...

Nesta vida 

precisamos mais amar...

Não julgues filha minha 

o passo alheio

nem aponte 

defeitos de ninguém...

se nesta vida 

não puderes ser "esteio"...

não sejais 

motivo de desdém...

Minha filha 

que é filha do universo...

sejas caridosa com o semelhante

e não faças 

o que não queres que te façam...

é assim 

que nossa vida segue avante!...

Filha minha 

se errares porventura

nunca tenhas 

vergonha em retomar...

desculpe-se 

e toda a amargura 

do coração sai...

vai pairar em outro lugar...

Não se culpe 

pela vida do que fez...

quando pensava 

que fazias por amor...

recomece 

novamente e outra vez

suplicando as mãos do criador...

Minha filha 

alguns registros eu te deixo

do que passei sorrindo 

ou chorando...

é você que fará 

as suas escolhas

escolhendo se entre perdas 

ou somando...

Aqui dentro 

eu observo seu sono

lá fora 

chuva forte no quintal

"toda semente 

é com água que germina

mesmo que seja 

água de temporal"...

Compartilhar

ENQUANTO A RAYARA DORME...
QUANTAS CRIANÇAS AINDA NÃO SABEM AONDE VÃO DORMIR!...
ENQUANTO A RAYARA DORME ALIMENTADA, QUANTAS CRIANÇAS AINDA PASSAM FOME...
QUE DEUS NA SUA INFINITA BONDADE, ESTEJA PRESENTE NA VIDA DESTE QUE ESTÃO AGORA SOFRENDO...
QUE DEUS ESTEJA ALIVIANDO AS DORES DAS FAMÍLIAS COMO AS DE JOÃO...
..."OLHA AI OLHA ELE AI OLHA AI...OLHA AI É O MEU GURI"...
UM PROTESTO CONTRA AS INJUSTIÇAS SOCIAS E A VIOLÊNCIA... EM CASA EM UM DOMINGO DE MUITO AMOR PELA VIDA...

Rita Reikki
11/02/2007