Site de Poesias

Menu

Quando se abre uma janela...

Quando se abre uma janela...
 
Quando se fecha uma janela,
deixando para trás a seqüela,
carrega-se consigo a dor
do amor que não se apaga,
que sempre vira chaga
deixando feridas expostas,
como respostas,
á um amor que se foi...
Quando se fecha uma janela,
abrindo outra em seguida,
não se lembrarás mais
da despedida,
da dor, ou da ferida...
Será sempre
um novo amanhecer,
outros amores irão
acontecer
trazendo consigo
o balsamo da cura.
E nesta luta
que não perdura:
- Entre a dor e o amor,

Só conheceremos o vencedor...
Quando abrirmos uma nova janela
com vista para a Esperança,

Para ver um novo AMOR nascer...

 

Compartilhar

Olá pessoal... agradeço a visita e convido-os a visitarem esse video, poema meu, está lindo...ganhei de uma amiga.

http://www.youtube.com/wa...

obrigada. escritório

Teresa Cordioli
31/08/2006