Site de Poesias

Menu

SONHOS

Neste momento em que escrevo
Começo as minhas indagações
Se sou capaz de sonhar
E todos os sonhos realizar

Sob o efeito de tais pensamentos
Posso mesmo afirmar
Sou patriota e sonhadora
E o meu Brasil sei amar

Sou feliz por ter conhecido
Um certo Policarpo Quaresma
Que não teve medo de ousar
Mas, alguns sonhos, não pode realizar

Sonhou um dia
O nosso país transformar
Começando pela língua
E o nosso jeito de falar

Sugeriu ao presidente
O tupi-guarani oficializar
E como resposta
Mandaram-no internar

Como o personagem de Lima Barreto
Eu também quero mudar
A cara do nosso país
E este, “desamericanizar”

Quero a minha Nação
Com cara de Brasil
A nossa bandeira hasteada
E o grito de “ Pátria amada, mãe gentil!”


Ana Clara Cabral de Sousa- 21 de dezembro de 2004

Compartilhar
Ana Clara Cunha
23/06/2006