Site de Poesias

Menu

Gerúndio

Estava amando.

O coração aquecendo.

A emoção sentindo.

 

A frieza desabando,

O mundo relendo,

As leis infringindo.

 

Tua face admirando,

Teu corpo querendo,

Em teu íntimo fluindo...

 

Mas tudo foi acabando:

Eu nunca entendendo,

Tu estavas sorrindo.

 

Meu universo deteriorando.

Um veneno a quem está sofrendo,

A mim mesmo destruindo...

 

O amor se esgotando.

Não mais se mantendo,

Tudo o mais partindo...

 

Estou me cansando,

Nesta vida morrendo,

Ao esquecimento pedindo...

Compartilhar
Thiago da Silva Carbone
06/02/2018