Site de Poesias

Menu

AO REI DO FUTEBOL. PELE...

E nasceu na cidade de Tres Corações

Um garoto astuto, de desenvoltura tal

Que, nos seus quinze, desesseis anos,

Encantava o mundo com seus toques

E dribles dados com a bola de futebol,

Rolada de pé em pé pelos gramados...

 

E, esse garoto, não demorou muito,

E chegou até à seleção do seu país,

E foi bi campeao do mundo, fazendo

Noventa e cinco gols jogando com ela,

E, os gols foram tantos que chegaram

Ao numeral de mil, e o coroaram rei...

 

Rei do futebol mundial, esse foi pois

O título lhe outorgado, que ele ostenta

Até os dias de hoje, até que surja. sim,

Um outro, à altura de si para que lhe seja

Passada a coroa, por enquanto, nenhum

Surgiu, pode ser que surja, pode ser que

 

Já esteja despontando, esteja em ação,

E aguardando o instante certo para que

Mostre a sua cara e se apresente, afinal,

O rei atual já está velhinho, se aproxima

Dos seus oitenta janeiros vividos, e bem

Vividos se é que se pode dizer e se afirmar...

 

OBRIGADO, PELÉ. O NOSSO REI,

EDSON ARANTES DO NASCIMENTO...

A TORCIDA BRASILEIRA TE SAÚDA,

VIVA O REI, VIVA O REI VIVA O REI...

 

Compartilhar

Bem, se tomou iniciativa de se fazer este texto em homenagem à um cidadão diferenciado, que fez história jogando futebol vindo a ser coroado rei por suas façanhas mirabolantes feitas com a bola nos seus pés...Pelé, Edson Arantes do Nascimento, foi um gênio que o futebol teve... Parabéns e obrigado, grande craque dos gramados do mundo todo... Em casa, no meu escritório HOME OFFICE...

Josea de Paula
17/10/2017