Site de Poesias

Menu

Carta aberta N: 32

Você iluminou o lado escuro do meu coração com o brilho do teu olhar.
O teu sorriso abundou minha vida de alegrias e tuas mãos
me ampararam durante meu sofrido caminhar. Mas,
foi por medo de você não quis me querer, foi assim que eu
nunca pude a ti me declarar. Sonhei correndo ao seu lado,
brincando entrelaçados em suas mãos; meus sonhos em preto e
branco e só você colorindo meu coração.
Você é a rosa e seu sou o espinho, estamos no mesmo caminho,
rosa em botão. Perto tão perto que quase posso toca-la com minhas mãos.


J.A.Botacini.
 
Maio /1962


 



 

Compartilhar
Jose Aparecido Botacini
02/10/2017

  • 0 comentários
  • 13 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados