Site de Poesias

Menu

O nascimento do homem

 
Primeiro, 
Xampu para esconder as curvas do cabelo,
Roupas, para esconder o dorso.
Sapatos para esconder os pés.
Perfume para enganar o odor natural.
Óculos para os olhos.
Creme dental para disfarçar o hálito.
Carros para despistar a passada
Igrejas para escamotear a alma.
E assim vive o homem,
Entre esforços contínuos e diários

 
para ocultar o que realmente se é. 

Compartilhar
Vinicius Souza
16/09/2017