Site de Poesias

Menu

BICICLETA NA VIDA

O menino da bicicleta...
Não se aquieta!

 
Sempre frenético,
pedala como se fosse um atleta
... Empina, rodopia...
Rascunha zero no chão
se cai, nem faz cara feia
e sai, aos abraços com o vento
nadando na emoção.

O menino da bicicleta...
Adora o seu, ie, ieh ieh,
rodando por ai...
Parece gente grande,
zanzando em suas contas
e sonhando com faz de conta...

Só quer saber de correr,
perde a hora dormir
perde o tempo de comer
... Passa o dia divagando
e quando chega a noite...
Já vai sonhando com o amanhecer.

O menino da bicicleta
parece adulto
zanzando sem hora certa
... Vai p'ra cima
vai p'ra baixo
igualzinho uma peteca.

Antonio Montes

Compartilhar
Antonio Montes
12/08/2017