Site de Poesias

Menu

CARO AMIGO...

CARO AMIGO...

Querido amigo, que horas são? Importa o tempo?
Nem mesmo a distância tem alguma importância
Toda amizade supera dimensão, um crescer lento
E em qualquer instância o que vale é consonância

Pode ser parente... ou uma pessoa mais presente
Sentimento necessário quando familiar involuntário
Uma relação contingente quando é gente diferente
Importante é o binário, não deixa ninguém solitário

Que é verdade, enfim? Você realmente tem medo?
Derrube comigo a cerveja, encerre de vez a peleja
Esqueça que há fim, guarde contigo este segredo
Lembre ao rezar na igreja, do bolo você é a cereja

O homem vem no horário, parte sem ser voluntário
No caminho atina o amigo, seu mais seguro abrigo
Providencial neste calvário, funciona como relicário
Juntos enfrentam o perigo, derrotam o pior inimigo

Marco Antônio Abreu Florentino

Dedico a todos meus verdadeiros amigos desta vida quase finda... acho que cabem nos dedos das minhas mãos.

https://youtu.be/A4dBo3WciII
(Dear Friend - Paul McCartney)

Compartilhar
Marco Antônio Abreu Florentino
25/07/2017