Site de Poesias

Menu

PATATIVA DO ASSARÉ, CABRA MACHO!

[Ilustração não carregada]

PATATIVA DO ASSARÉ, CABRA MACHO!

Patativa, cabra macho,
É um poeta nordestino,
Ele quando menino
Bebeu água do riacho.

Pouco tempo na escola,
Mas foi o suficiente
Pra fazer-lhe o rei da trova
E cantar pra nossa gente!

E sob a luz do luar
Fez verso vespertino,
Não conseguiu se formar
Por capricho do destino,

Mesmo assim, fez-se poeta,
Sua poesia, melhor não há!
Na trova,  é  um atleta,
O Melhor do Ceará!

Barreiras-BA- 21-07-2017
Antônio Galdino

Compartilhar
.GALDINO
21/07/2017