Site de Poesias

Menu

POESIA SEM RUMO

A poesia nada mais é

que um carro desgovernado

sem motorista, sem direção

vagando em versos e prosas

rumo à algum coração.

Não existe freios que a segure

pois, ela sai em disparada

procurando na longa estrada

uma alma que a queira ler

mesmo sem entender.

A poesia nasce numa rua deserta

entre paredes da inspiração

buscando olhos perdidos

de quem se perdeu sem perceber

que o amor existe e é só querer...

 

vanderribeiro

28/06/2017.

 

 

Compartilhar
vanderribeiro
28/06/2017

  • 1 comentário
  • 16 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados