Site de Poesias

Menu

A Criança

Ela salta
Na rua
No meio
Sem preocupação
Sem carros
Nas duas mãos
 
Ela salta
Os braços
Abertos
Sorriso
De um vão a outro
Como um rasgão
 
Ela salta
Por cima
Da terra
De batido chão
 
Ela salta
Mais feliz
De todos
Os passantes
Do dia
Na rua
Chamada
Verde
Limão
 
Ela salta
Sozinha
Segue
Em frente
 
Ela salta
Enfrentando
O mundo
Com
Sua
Beleza
Pois é
Ainda um salto
De criança
Nesse mundão 

Compartilhar

uma menina desconhecida, vista do ônibus... Botucatu - São Paulo

Marcela Hebeler Barbosa
17/05/2017

  • 0 comentários
  • 76 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados