Site de Poesias

Menu

A Luta

Ninguém, diretamente, nos intimou ao combate.

Todos os que pensam, aceitaram a luta.

Tenho dito que a cada queda, mais se levantarão

Rebelando-se contra mandos e desmandos de um filho de puta!

 

Perdoem a palavra, mas não estamos em tempos brandos.

A fibra que temos que ter torna a alma bruta.

Vê! As ruas pupulando de gente inconformada!

E os brados de garra e determinação, escuta!

 

Corremos contra o tempo e contra pessoas

Que alegam que toda a luta é mera baderna

Propagada por arruaceiros e vagabundos que querem destruir.

São o outro lado: Aqueles que nos querem abaixo da sua perna!

 

O que a imprensa tem feito? E a televisão?

Mostram tudo o que ladinos querem e deturpam o combate.

Reflexão, caríssimos! A luta é da maioria, é das ideias

E tantas cabeças não podem ser compradas nem em um arremate!

 

Compartilhar
Thiago da Silva Carbone
29/04/2017