Site de Poesias

Menu

RECATADA

Menina recatada, educada para casar...
Um dia arranjou um belo namorado.
Que logo foi à família apresentado...
E conseguiu a todos bem impressionar!
 
Era o príncipe dos sonhos: todos diziam!
Ela linda e pura, ele belo e já formado...
Formavam o casal por todos sonhado.
Num namoro à antiga as coisas corriam...
 
Eis que depois de uma confraternização:
Que teve futebol e um churrasco animado,
O pai chama a filha e diz:- Sofre meu coração,
 
 Mas ele não serve para quem tão bem educo:
Pois tem no pênis um dito “buco” tatuado!
E ela:- Pai: É “Saudades do meu Pernambuco!”
 
Pedro Paulo da Gama Bentes-2016/10/23
Feito sobre uma anedocta contada na Série Conselheiro XX do Humberto de Campos.

 
 

Compartilhar
Pedro Paulo da Gama Bentes
04/03/2017

  • 0 comentários
  • 61 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados