Site de Poesias

Menu

Ao meu guia

foi por falta ou excesso de carinho

eu, feito menino sozinho.

meu caminho

 

por andar por aí

perdido

procurando umm abrigo

 por brigar com o mundo inteiro

ou me achar parte ou inteiro dele

que procurei seu leito como abrigo

amiga amigo...

 

meu guia

minha amiga

da psocologia

quem diria que por ti

algo estranho sentiria

que um dia eu poderia sentir

carinho

gua de meu caminho.

 

logo eu

que sempre fui tão distante da realidade.

fez me um menido

franzino

até chorei

chorei de lágrimas

de águas e olhos vermelhos

labios bocas espelhos .

 

e pedi perdão

pois não poderia

perder o que eu mais queria

 

e você

aqui tão perto

dentro de mim

no meu peito

bate um coração

de leão.

na palma de sua mão

 

quase sem razao

ainda vou esccrever

antes do amanhaecer

antes dol sol rasgar a manhâ

antes mesmo do dia reviver

e dizer

amei você.

 

Compartilhar
JÂNIO MOREIRA
20/02/2017