Site de Poesias

Menu

EU NUNCA TE VI COMO AVENTURA

Nuvens ao vento,
Vai para onde ele as levar.
Assim é o pensamento,
Vai para onde for meu pensar.
 
Passos incertos
Não tem rumo definido,
Sonhos mortos
Fazem a vida sem sentidos.
 
Promessas quando feitas,
Nem sempre refletem a verdade,
São palavras mal- ditas,
Momentos maus de uma realidade.
 
Nossos desencontros aconteceram,
A ninguém cabe culpa pelo que sucedeu,
Foram encantos que floresceram

 
E num certo momento, feneceu!

Compartilhar

Já me chamusquei nas chamas de uma ilusão, mas por minha sorte era só paixão, daí o fogo de palha! Em uma tarde amena.!

ubirajara Fernandes
11/02/2017