Site de Poesias

Menu

Doce ilusão

Quero um amor que me complete
Que divida, que ensine, que aprenda
Quero um amor companheiro
Cúmplice, amigo, querido

Que saiba quando ser eu, nós e quem sabe até vós
Paixão unida à razão
Emoção...

Quem sabe, um dia o encontre...
Também pode ser que não
Mas não posso deixar de sentir de novo,
ó minha doce ilusão

Compartilhar
Nadja Vasconcelos
23/04/2006