Site de Poesias

Menu

ERVA DANINHA


Ela é companheira
sublime, graciosa
meio cravo, muito rosa
engenheira

Você pode dominá-la
ameaçá-la, se quiser
matá-la, se puder
ou amá-la

Ela pode resistir
ao pior julgamento
ao cruel tratamento
e ressurgir

remoçada, altaneira
e desfilar triunfante
com aquele chamejante
balanço das cadeiras

Compartilhar

Visitem-me também na minha página pessoal:

www.sergionespoli.recantodasletras.com.br

Grato !!!

sergio néspoli
25/09/2016