Site de Poesias

Menu

OLHANDO NOS TEUS OLHOS

Dei-te amor e em troca recebi desprezo!
Fiz-me teu companheiro de todas as horas
E agora recebo tua rejeição e fico surpreso,
Quando me dizes com veemência: Vá embora!
 
Olhando nos teus olhos vi-te outra pessoa,
Senti um amargor em tua voz ferindo-me,
Fundo, pois que ela em meus ouvidos ressoa,
E agora que te sei, esquecerei teu nome
 
Foste um vento mau que levantou poeira do chão...
Um engano pior de todos dos meus dias...
Não conheces o amor e longe estás desta emoção.
Que tolo eu! Dormia contigo, mas não te conhecia!
 
Os olhos espelho da alma é revelador de sentimentos,
Se está tudo bem o brilho ofusca o sol.
Caso contrário sem pudor eles não escondem sofrimento

É só os fita-los, pois o que vejo em tua alma é o arrebol!

Compartilhar

Dizer que se conhece uma pessoa apenas no trado do dia a dia é uma temeridade. Não se pode afiançar uma criatura por
seus atos e palavras,pois que a falsidade tem mil caras para enganar os incautos. Um belo rosto e uma voz suave, pode causar um grande estrago. Em casa perdido em meus pensamentos.

ubirajara Fernandes
24/07/2016