Site de Poesias

Menu

AS AVESSAS

AS VEZES

SINTO-ME ASSIM

ESTRANHO

FORA DO NINHO

VIDA FORA DE MIM

SONHOS DE OUTROS

IDEIAS ATEMPORAIS

COMO UM VIVENTE

FORA DO MUNDO

FORA DA TERRA

NUM UNIVERSO PARALELO

INEXISTENTE

AS AVESSAS

E NÃO DIVINO DE CASTRO MALAQUIAS

E SIM ONIVID ED ORTSAC SAIUQALAM

Compartilhar

Quantas vezes nos pegamos achando que nossas ideias estão fora do tempo. Que tudo em nós está virado, as avessas. De repente nos achamos fora do ninho, em espaços inexistentes. De repente sendo até inexistente, num mundo teoricamente pensado e não palpável. São Joaquim de Bicas- Minas Gerais

Onivid ed Ortsac Saiuqalam
25/05/2016