Site de Poesias

Menu

O amor

O amor nada cobra, é gratuito,
O amor não se pede, se doa,
O amor não se duvida, se acredita,
O amor não tem pernas, voa;

O amor não se prova, se sente,
O amor nada espera, não duvida,
O amor não se compra, não se vende,
O amor não é morte, é vida.

Contudo, solitário,
Queima o peito a saudade
De um amor tão mal tratado,

Sem saber se é o fim
Ou se é o contrário,
Paraíso ou calvário.

 

Compartilhar
Ricardo Lemos
05/04/2016

  • 1 comentário
  • 25 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados