Site de Poesias

Menu

Fogo

            Verás amor quando olhares no espelho
         Teus olhos de uma única resposta
         Somente da felicidade composta
         Em degrade e tez de amor vermelho
 
         Seria para mim agora bom conselho
         Esquecer de quem meu coração mais gosta
         Pois pode sentir a verdade oposta
         Como ser caçado como frágil coelho
 
         Pois enquanto olhos retalham o peito
         O amor queima uma eterna caça
         Em se tratando de amor não é defeito
 
         Se teu olhar vem, voa e tanto arrasa
         O amor tem mais outro simples feito

 
         Se não queima na chama, queima na brasa.
 
Visite meu website: www.marcusviniciusart.wix.com/marcusvinicius
Tem livros publicados, pensamentos filosóficos, sonetos, pinturas digitais, músicas instrumentais, atualidades.
Do próprio autor
 

Compartilhar
Marcusvinicius
18/01/2016