Site de Poesias

Menu

Vida e Verso


 


Vida e Verso
 


Meus poemas são algas,
Sargaços
Que o mar vomita
Na maré cheia
E morrem na areia. 


Minha caminhada
Na areia da praia
Não deixa pegadas,
São todas apagadas. 


E assim
Sem registro
Eu não fui, não sou,
Eu não existo.

Compartilhar
Nair Damasceno
12/01/2016

  • 4 comentários
  • 180 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados