Site de Poesias

Menu

PESADELO

PESADELO!
Quando se guarda um sonho do passado...
(No recanto mais feliz do nosso coração)
O mais belo e apaixonado desses que vão...
Acompanhar-nos e sempre ser lembrado!
 
A tristeza do que devia e não aconteceu,
E o sonho não realizado se torna pesadelo!
Existe, é presente, mas é melhor não tê-lo...
Pois ele é finado, ele não existe, ele morreu..
 
Isto é o pior, pois o sonhado ao transcender,
Invade nosso dia a dia e perversamente...
Rouba-nos a paz, infernando o nosso viver!
 
Ele se torna um pesadelo e qual maldição...
Embora morto ainda volta diuturnamente,
Sufoca nossa alma! Enegrece nosso coração!
 

Pedro Paulo da Gama Bentes-2015/11/26

Compartilhar
Pedro Paulo da Gama Bentes
26/11/2015

  • 3 comentários
  • 169 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados