Site de Poesias

Menu

"BOTÃO-ORNAMENTO"

[Ilustração não carregada]

 
Desejo, na verdade, que você vá muito além da mocidade, da juventude, da adolescência e se assim for, por favor, não se apegue ao anseio, à esperança, à expectativa de que a vivacidade de hoje, a atual exuberância material, lhe presenteará com isso a vida toda, pois, com o disposto assopro afoito, com o tormento do vento do tempo, só restará conservado, para ti,  o ‘botão-ornamento’ que se, semeado no interior do seu coração em flor e cultivado, com suavidade, com ternura, com relevante amor, marcará, sim e para sempre, a validade, a utilidade, o bem que tanto convém de sua existência, de sua permanência; enfim, de sua gratificante - ou não – breve ‘passagem’ por aqui!  

 

Compartilhar
Odair Rizzo
07/10/2014

  • 0 comentários
  • 4085 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados