Site de Poesias

Menu

Devoção (soneto)

Quando a luz do seu olhar aparece
A voz da escuridão se desfaz;
Um preludio de amor acontece...
Diante de um olhar tão cheio de paz.
 
A luz do seu olhar em mim amanhece
Fazendo fremir este meu corpo rapaz;
O céu se abre e dele ouço uma prece...
Uma voz doce, palavras que muito me apraz.
 
A luz do seu olhar comigo adormece
Eu sonho contigo, isso, já me satisfaz;
A esperança em meu peito permanece...
 
Por tudo de bom que você me faz,
Por todo o amor que você me oferece...
Terei por você, uma devoção voraz.
 
J.A.Botacini.

 
24/04/2014

Compartilhar

Obrigado pelo carinho da visita ao sair deixe um comentário ou uma simples critica.

Jose Aparecido Botacini
16/06/2014

  • 3 comentários
  • 159 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados